O holandês Michel Kreder (Garmin) venceu este sábado ao “sprint” a quarta etapa dos Quatro Dias de Dunquerque, colocando um ponto final à série de três vitórias do francês Arnaud Demare, com o português José Gonçalves a ser 16.º.

Kreder impôs-se ao francês, que passou a meta em quinto não beneficiando de bonificações, mas não lhe conseguiu “roubar” a camisola rosa de líder, percorrendo os 181,6 quilómetros entre o museu do Louvre-Lens ao Parc Departemental Olhain, em Pas-de-Calais em 4:40.30 horas, a uma média de 38,845 km/hora.

José Gonçalves (Pomme-Marseille) ocupa agora a 13.ª posição da geral, a 45 segundos do líder Demare (16:56.38), que tem o seu compatriota Florian Vachon como direto perseguidor a 16 segundos. O holandês Kreder surge na terceira posição da geral, a 20 segundos.

A quinta etapa sai para a estrada domingo e vai ligar Estaires a Dunquerque, numa distância de 164 quilómetros.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.