O ciclista português Nelson Oliveira (Movistar) terminou hoje a Volta a San Juan na sexta posição, ao chegar integrado no pelotão na sétima e última etapa da prova argentina.

Conhecido como especialista em contrarrelógio – já foi quatro vezes campeão nacional da especialidade (2011, 2014, 2015 e 2016) -, Oliveira demonstrou ser um corredor todo-o-terreno, potenciando o ‘salto’ dado na geral graças à prestação no ‘crono’ da terceira etapa com o sexto lugar final na Volta a San Juan, conquistada por Remco Evenepoel.

O jovem belga da Deceuninck-QuickStep, nova ‘coqueluche’ do pelotão internacional, concluiu a sétima e última etapa, um circuito de 141,3 quilómetros em San Juan, nas mesmas 2:58.03 horas do vencedor da tirada, o colombiano Fernando Gaviria (UAE Emirates), que bateu ao ‘sprint’ o eslovaco Peter Sagan (Bora-hansgrohe) e o seu compatriota Álvaro Hodeg (Deceuninck-QuickStep).

No pelotão, chegaram também César Martingil (Atum General-Tavira), o melhor português na tirada, na 14.ª posição, e Oliveira, no 78.º lugar, mantendo-se a 2.27 minutos de Evenepoel. O vencedor da prova argentina deixou o segundo classificado, Filippo Ganna, da seleção italiana, a 33 segundos, e o terceiro, o veterano Oscar Sevilla (Team Medellín), a 1.01 minutos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.