A segunda etapa da Volta à Polónia terminou ao sprint, tal como a disputada na véspera, e de novo com o triunfo de Pascal Ackermann, da BORA-hansgrohe, atual campeão alemão de ciclismo de fundo.

Os 156 quilómetros entre Tarnowskie Góry e Katowice terminaram com um pelotão agrupado, com quase todas as unidades, incluindo os portugueses Rui Costa (UAE-Team Emirates), 36.º, e Nuno Bico (Movistar), 45.º

Na geral, Ackermann reforçou o comando, com as novas bonificações, e tem agora vantagem de oito segundos sobre o colombiano Alvaro Hodeg, da Quick-Step Floors.

Ambos a 20 segundos do líder, Costa é 41.º e Bico 53.º.

Segunda-feira, a terceira etapa liga Stadion Slaski Chorzów a Zabrze, em 139 quilómetros.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.