O ciclista Tadej Pogacar (UAE Emirates), vencedor das duas últimas edições da Volta a França, foi distinguido como o melhor desportista esloveno de 2021, assumindo a ambição de conquistar o Tour pela terceira vez.

“Quero uma época de 2022 igual ou melhor, mas não a espero”, afirmou o corredor, de 23 anos, após receber a distinção, revelando parte do seu calendário para o próximo ano.

Tendo como objetivo a ‘Grande Boucle’, entre 01 e 24 de julho, o companheiro de equipa de Rui Costa, João Almeida, Rui Oliveira e Ivo Oliveira vai iniciar a temporada na Volta aos Emirados Árabes Unidos, entre 20 e 26 de fevereriro.

“Tenho quase a certeza que vou competir em quatro ‘monumentos’ – todos menos o Paris-Roubaix (17 de abril) -, em duas Grandes Voltas e, provavelmente, nos Mundiais, que não terão um percurso assim tão plano e fácil de controlar. A temporada vai ser difícil”, admitiu Pogacar, reconhecendo que a Volta à Eslovénia também está no seu calendário.

Esta será a primeira vez que Pogacar vai alinhar em duas Grandes Voltas, depois dos dois triunfos no Tour e de, em 2019, no ano de estreia, ter sido terceiro na Vuelta.

O esloveno prevê defender os títulos conquistados em 2021 na Liège-Bastogne-Liège (24 de abril) e na Volta à Lombardia (08 de outubro), contando ainda alinhar nas clássicas Milão-San Remo (19 de março) e na Volta à Flandres (03 de abril).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.