O ciclista italiano Diego Ulissi (UAE Emirates) conquistou hoje a Volta ao Luxemburgo, mantendo a camisola amarela na quinta e última etapa, ganha ao sprint pelo dinamarquês Andreas Kron (Riwal Securitas).

Kron bateu precisamente Ulissi, num pódio que ficou completo com o norueguês Markus Hoelgaard (Uno-X Pro).

Os 177 quilómetros entre Mersh e a capital Luxemburgo foram cumpridos em 4:08.42 horas, o mesmo tempo dos sete que disputaram o ‘sprint’.

Ivo Oliveira (UAE Emirates) chegou em 58.º, precisamente a quatro minutos, enquanto o irmão Rui, da mesma equipa, foi 72.º, a 8.20.

Diego Ulissi terminou com 25 segundos de avanço para Hoelgaard e 27 para o belga Aimé de Gendt (Circus-Wanty Gobert); na véspera, Gendt era segundo a 17 segundos e Hoelgaard terceiro a 19.

Este foi o primeiro triunfo de Ulissi em 2020 na geral de uma competição, embora o ciclista de 31 anos já tenha no currículo seis etapas no Giro, dois triunfos da Volta à Eslovénia e um nas voltas à República Checa e Turquia, além de ter o seu nome nos vencedores das clássicas Milão-Turim, Copa Sabatini, Giro Emília e Memorial Marco Pantini, entre outros.

Rui Oliveira, que sexta-feira caiu do ‘top 10’, terminou a prova em 59.º, a 13.35 minutos do vencedor, enquanto Ivo foi 90.º a 27.48.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.