A 79.ª Volta a Portugal regressa hoje à estrada para cumprir a sétima etapa, uma ligação entre Lousada e o Santuário da Senhora da Assunção, para a qual o ciclista espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) partirá de amarelo.

Cumprido o único dia de descanso da prova rainha do calendário nacional, o pelotão, composto ainda por 122 corredores, volta à estrada para a fase decisiva da competição, com a tirada de 161,9 quilómetros a sair de Lousada às 13:05.

Com o ponto alto da jornada reservado para a chegada ao Santuário da Senhora da Assunção, uma contagem de segunda categoria coincidente com a meta, os ciclistas começarão por encontrar, ao quilómetro 102,2, a Serra de Campelos (4.ª), já depois de terem passado pela meta volante de Penafiel (84,6).

Antes de começarem a percorrer os mais de seis quilómetros de subida ao ponto mais alto da Santo Tirso, onde a chegada está prevista para as 17:24, o pelotão ainda vai poder disputar dois ‘sprints’ intermédios, em Valongo (131,5) e Santo Tirso (153,5).

Raúl Alarcón vai partir para a sétima etapa com 24 segundos de vantagem sobre o segundo classificado, o italiano Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira), e 30 sobre o terceiro, o seu companheiro português Amaro Antunes.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.