O guarda-redes Tiago Petrony apontou hoje a Ucrânia como o adversário “mais forte” que a seleção portuguesa de futebol de praia vai defrontar na primeira etapa da Liga Europeia, embora também respeite Azerbaijão e Alemanha.

“A Ucrânia é teoricamente a equipa mais forte. Já a conhecemos bem tendo em conta os muitos jogos entre as seleções. No entanto, tanto o Azerbaijão como a Alemanha também têm o seu valor e vamos respeitar todos os adversários, sempre com o objetivo de ganhar. Somos uma equipa experiente, que já está habituada a grandes competições”, afirmou Tiago Petrony, em declarações divulgadas pela Federação Portuguesa de Futebol.

Portugal, sob o comando do selecionador Mário Narciso, realizou mais dois treinos na Nazaré e uma das situações que tem sido trabalhada é a mudança na posse de bola dos guarda-redes, que têm agora um limite de quatro segundos para libertar a bola, dentro ou fora de área.

“Essa é mais relevante porque efetivamente vai mudar a forma de jogar das equipas. Temos vindo a trabalhar sobre ela e estaremos certamente preparados. Vai tornar o jogo mais rápido, isso é certo", considerou o guardião de 32 anos.

A primeira etapa da Liga Europeia vai decorrer entre 17 e 19 junho, no Estádio do Viveiro - Jordan Santos, na Nazaré, com Portugal a disputar o Grupo 1.

A seleção nacional estreia-se na quinta-feira frente ao Azerbaijão (12:45), defrontando a Alemanha no dia seguinte, à mesma hora, e a Ucrânia, no sábado.

Oito equipas serão apuradas para a Superfinal da Liga Europeia, que se disputa em setembro, na Figueira da Foz.

Pouco dias depois da primeira etapa, Portugal disputa, entre 21 e 27 de junho, também na Nazaré, a qualificação para o Campeonato do Mundo da Rússia.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.