A capacidade de poder fazer mais e melhor constitui para Afonso Jesus a principal valência do estágio de preparação para o Mundial da seleção portuguesa de futsal, que decorre em Matosinhos.

Portugal, que defronta em dois jogos de preparação o Japão no Centro de Desportos e Congressos de Matosinhos, em encontros agendados para 03 e 05 de fevereiro, está assim a preparar aquelas duas partidas, bem como já a fase final do Mundial que vai decorrer no Uzbequistão, entre 14 de setembro e 06 de outubro próximos.

"Aquilo que fizemos na fase de qualificação serviu também para vermos o nível em que estamos. É tempo de olhar para o Mundial, para a nossa preparação e para o que temos de melhorar até lá. O objetivo é chegarmos no máximo ao Campeonato do Mundo. Olhamos para cada treino e cada jogo com o objetivo de melhorar. Sabemos que somos capazes de fazer mais e melhor", começou por dizer o ala do Benfica.

Nas declarações prestadas ao site da Federação Portuguesa de Futebol, Afonso Jesus lembrou o embate frente ao Japão em 2021, também de preparação para o Mundial, então disputado na Lituânia e conquistado por Portugal.

"Espero dois jogos muito competitivos. É uma seleção com muita qualidade individual, com características interessantes, tanto ofensiva como defensivamente. É uma equipa equilibrada e raramente comete erros, mas acredito que temos capacidade para vencer os jogos", sublinhou.

O jogador manifestou ainda a sua satisfação por se encontrar a um jogo de cumprir as 50 internacionalizações.

"Chegar aos 50 jogos terá um significado muito grande. É especial pela minha evolução e pelo papel cada vez mais importante que sinto que tenho no grupo", afirmou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.