O selecionador português de futsal, Jorge Braz, anteviu hoje uma equipa das 'quinas' a “escalar novamente a montanha” no Europeu de 2022, após a conquista do Mundial da modalidade, em outubro, na Lituânia.

“Chegou a altura de começarmos a escalar novamente a montanha. É isso que temos de perceber. Do ponto de vista da preparação, não começamos no topo. Temos de começar cá em baixo novamente. Pôr os pés no chão, refinar, trabalhar ainda mais do que o que trabalhámos até aqui para conseguirmos escalar e ir passando etapa a etapa”, disse, citado pela Federação Portuguesa de Futebol.

A seleção de Portugal encontra-se nos Países Baixos, anfitriões do certame agendado para entre 19 de janeiro e 06 de fevereiro, e já efetuou o primeiro treino antes do primeiro de dois encontros de preparação com a equipa da casa, hoje em Almere, e na terça-feira em Zeist.

“Os Países Baixos estão a organizar-se muito bem para o Europeu. Estão extremamente motivados e ambiciosos. Querem provocar a surpresa no grupo e passar. Têm escolhido muito bem os adversários para se prepararem. O convite para nós virmos já surgiu há bastante tempo e aceitámos de imediato, porque queríamos estar aqui e sentir já o ambiente: conhecer os pavilhões, ficar já no hotel”, continuou Braz.

Na fase final do Mundial, Portugal vai bater-se, no grupo A e nas cidades de Amesterdão e Groningen, precisamente com Países Baixos, Ucrânia e Sérvia ou Bielorrússia, que ainda têm o apuramento por definir.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.