Cardinal foi hoje decisivo na vitória do Sporting ao apontar o livre de 10 metros que empatou o encontro no prolongamento a quatro golos.

Após a partida, o jogador do Sporting rejubilava pelo triunfo alcançado: “Foi uma grande vitória, foi um excelente jogo da nossa parte e um excelente espectáculo de futsal. Ganhou a melhor equipa e agora a pressão está toda do lado do Benfica”.

Sobre o momento em teve de converter o livre de 10 metros que acabou por levar o jogo para a decisão através dos pontapés da marca de grande penalidade, Cardinal afirmou gostar de sentir a pressão sobre os seus ombros: “A pressão é o que eu gosto mais. Já na primeira parte eles tinham cinco faltas e eu virei-me para o guarda-redes suplente no banco e disse-lhe, se houver um livre de 10 metros, eu vou marcar golo. Não foi na primeira, foi na segunda e ainda soube melhor, foi o 4-4, ainda para mais no prolongamento”.

Quanto ao facto de a vitória dos leões ter acontecido no pavilhão da Luz, Cardinal reconhece que ainda “sabe melhor ganhar na casa do adversário”.

Sporting e Benfica voltam a encontrar-se no pavilhão da Luz, este domingo, a partir das 17 horas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.