O fixo da seleção portuguesa gostou da exibição frente à Eslováquia esta quinta-feira que culminou com uma vitória por 4-1. João Matos revela ter sido “um bom teste”, e que a grande diferença face ao empate de ontem com este mesmo adversário esteve na “finalização”.

“Demos uma boa resposta, uma excelente atitude e a grande diferença de ontem para hoje foi a finalização. Desta vez a bola entrou e o cinco para quatro defensivo funcionou”, adiantou em conferência de imprensa.

E falando na estratégia do cinco para quatro, o internacional português alertou para o facto de estar poder vir a ser uma estratégia muito utilizada pelos adversários durante o Europeu.

“Este pode ser o Europeu do cinco para quatro. É algo que descaracteriza muito o jogo. Faz com que Portugal tenha menos posse de bola. Nós gostamos de ter a bola e de assumir o jogo, e isto quebra o nosso ritmo. Não é vantajoso para nós mas cada um jogo com as armas que tem e temos de estar preparados”, afiançou.

Relativamente ao Euro 2016, João Matos aponta como objetivo a final: “Posso prometer empenho, vontade e querer. O nosso grande objetivo é fazer melhor que no último europeu e por isso queremos estar na final. Acredito muito nesta seleção e acredito que este é o nosso Euro”.

Foi um bom teste, um jogo com características iguais às que vamos encontrar no Europeu na fase de grupos. Equipas de defesa baixa, com alternância de esquemas defensivos e fortes fisicamente.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.