João Matos, capitão do Sporting e marcador do terceiro golo dos leões, realçõu o espírito de superação da equipa para recuperar de uma desvantagem de dois golos na final da Liga dos Campeões de Futsal.

"É indescritível. É um momento único: numa final, perante uma equipa poderosa como é o Barcelona, estar a perder 2-0... Superámo-nos de forma tremenda na segunda parte, fomos para a frente do marcador, depois demos as mãos, unimo-nos, que é o que nos caraterizou nesta competição, e foi uma prova de superação. O Sporting é realmente a melhor equipa da Europa", notou.

O líder dos novos campeões da Europa realçou o espírito de união que caracterizou a equipa ao longo da competição, realçando a fome de vitória dos mais novos da equipa.

"O espírito, a alma, a crença, a ambição... A fome que estes jovens irreverentes trouxeram para a nossa equipa ajuda muito. Foi uma prova de superação, fomos gigantes, soubemos sofrer, soubemos defender. Tivemos a sorte no jogo, mas a sorte procura-se, a sorte trabalha-se. Fomos uma verdadeira equipa e quando somos uma verdadeira equipa, o talento não chega. Só o talento não supera a união de 16 bravos leões", disse.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.