Declarações de Marcelo Rebelo de Sousa, presidente da República, no Palácio de Belém, numa cerimónia em que atribuiu à equipa as Insígnias Comendador da Ordem Infante D. Henrique.

Difícil é continuar a ganhar: "Está quase a atingir os 10 anos nesta missão e fomos ganhando sucessivamente, ganhando tudo ou quase tudo. Difícil é continuar a ganhar ao ritmo que estamos a ganhar. Uma palavra muito grata pela sua determinação e persistência e amor a Portugal"

Os melhores do mundo: "Éramos os melhores da Europa, faltava sermos os melhores do Mundo. Hoje somos os melhores do Mundo. Quando somos muito bons somos os melhores do Mundo ou, pelo menos, dos melhores do Mundo. Sempre. No futsal, nas forças armadas destacadas por todos os continentes, nos cientistas, nos trabalhadores, todos nos diversos continentes e temos cada vez mais muito bons. Fiquei muito impressionado porque foi mais ou menos isso que Jorge Braz disse antes da final. Jogámos para o que merecíamos ser campeões do Mundo. Merecemos vencer porque somos dos melhores do mundo. Tínhamos mostrado isso jogo após jogo. Merecíamos. E merecemos e ganhámos".

Lesão de Ricardinho: "Merece uma referência porque já era história, já estava na história e decidiu sair da história para fazer mais uma vez história. A carreira estava feita e o tendão não ajudava. Todos passámos a discutir o tendão do Ricardinho como um problema nacional. Veio fazer um bocadinho mais de história e reentrar na história, que também é vossa. Para ele vai um abraço especial, que não é de despedida. Como dizem os brasileiros, até logo. Ele continua presente. Esse é o espírito da federação, ninguém é esquecido, ninguém é deitado fora. Estão na bancada, na equipa técnica, a apoiar".

O talento português: "Nós somos criativos, talentosos, em muitas modalidades e no futsal. Os portugueses do programa Erasmus que acompanharam na Lituânia, mais os emigrantes, mais os que apoiaram à distância.... Fiquei impressionado porque um neto meu acompanhou em Londres, outro no Dubai e outra no Brasil. Todos acompanhavam e vibravam com este vosso percurso, que não foi fácil."

Marcelo Rebelo de Sousa condecorou depois todos os elementos da comitiva com as Insígnias Comendador da Ordem Infante D. Henrique.

As imagens da chegada dos campeões do mundo de futsal a Portugal

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.