“Se o futsal quer evoluir, não pode ser com esta incompetência. Não me agrada jogar este futsal. Agarrões, cotoveladas, não sei se havia pouca luz no pavilhão”, afirmou Orlando Duarte, após o encontro, referindo-se aos árbitros Dragan Skakic e Tommi Grönman que apitaram o encontro.

Quanto ao jogo, o técnico diz ter gostado mais dos primeiros 20 minutos do encontro, do que a forma de jogar da sua equipa na segunda metade da partida: “Alterámos a nossa forma de jogar. Tivemos uma fase em que as primeiras partes não eram interessantes e as segundas eram boas, agora é ao contrário. O objectivo é equilibrar as duas”.

Pedro Cary, autor de um golos do Sporting, referiu que marcar cedo foi importante neste encontro: "Já tínhamos sido avisados da forma como eles iam jogar: uma defesa muito recuada e um jogo muito físico. Marcar cedo foi bom e importante".

O Sporting volta a entrar em campo na próxima quinta-feira diante do Slov Matic Bratislava.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.