O Sporting repudiou hoje o apedrejamento do autocarro da sua equipa feminina de futsal, ocorrido no sábado na área de serviço de Leiria, por um adepto identificado pela polícia como apoiante do Benfica.

Em comunicado, o Sporting “repudia mais um episódio de violência gratuita no desporto em Portugal” e defende a necessidade de uma união de todos os intervenientes no fenómeno desportivo para erradicar tais comportamentos.

“É necessário que todas as organizações, de natureza desportiva e pública, se unam e deem o exemplo para eliminar os focos de violência no desporto português”, refere o comunicado.

Segundo o Sporting, no sábado, o autocarro da equipa de futsal foi apedrejado, numa estação de serviço em Leiria no sentido sul-norte da A1, quando estava a estacionar para descanso da equipa.

“Um grupo de adeptos do Benfica tentou cercar a viatura, arremessando uma pedra que acabou por danificar o vidro traseiro do autocarro”, explica o Sporting, acrescentando que a “imediata manobra de retirada do motorista evitou aquele que poderia ter sido mais um dramático desfecho”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.