O vice-presidente do Sporting Vicente Moura mostrou-se hoje esperançoso na conquista de um título europeu em futsal e salientou o bom trabalho que tem sido desenvolvido no clube.

“Faltam outros títulos: um internacional e um europeu, que perseguimos há tanto tempo. Vamos ver se desta vez nos vamos aproximar. Estou convencido de que agora temos mais condições para nos aproximarmos de um título europeu”, afirmou, prosseguindo: “Se não for meste, será nos próximos anos”.

À margem da cerimónia da entrega da Taça da Liga de futsal ao Museu Sporting, que decorreu no Estádio José Alvalade, Vicente Moura referiu que a modalidade “está a criar público e a trazer muitos espetadores”, agradecendo “aos meios de comunicação” o mediatismo dado.

Por outro lado, e depois da vitória (3-0) diante do Fundão, que valeu o segunda conquista consecutiva da Taça da Liga, Nuno Dias, treinador de futsal dos ‘leões', destacou a importância de vencer as duas primeiras edições da prova, alertando que a exigência tem que se máxima para continuar a ganhar.

“Sendo a segunda edição da Taça da Liga e sermos os vencedores de ambas, é importante, mas o mais importante é continuarmos a conquistar e a enriquecer o museu. Da nossa parte, o que podem esperar é o máximo empenho”, declarou.

Nuno Dias não pensa que os títulos alcançados com regularidade no futsal sirvam de exemplo para as outras modalidades, nomeadamente o futebol, frisando que o foco “passa por fazer o trabalho no futsal”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.