Zicky Té, jogador do Sporting e marcador do golo que começou a reviravolta leonina, não esconde a felicidade pela conquista do título europeu.

O jovem leão não esconde que foi um jogo muito complicado e que a equipa precisou de "grande personalidade e um grande espírito de equipa para conseguir dar a volta por cima".

"Nós desde o primeiro dia em que chegamos aqui que tínhamos na cabeça o que queríamos, que era vencer esta competição. Ficamos a perder 2-0, tivemos de fazer um reset, puxar pelo espírito de equipa, a união, puxar uns pelos outros, lutar como irmãos para chegarmos a este resultado", disse.

Zicky recordou o primeiro título de campeão do Sporting, em 2019, quando ainda estava nas bancadas enquanto jogador dos júniores, afirmando que é uma "felicidade tremenda" poder estar agora entre os vencedores.

"Lembro-me de há dois anos o Sporting ter ganho esta competição e eu estar na bancada a ver os nossos seniores a ganhar, eu era júnior e foi uma alegria tremenda. Poder conquista-la agora, é uma emoção e uma alegria muito grande. Não consigo descrever", afirmou.

Questionado sobre o que aconteceu no último ano em que subiu ao principal escalão do futsal leonino, o jovem realçou as condições fornecidas e o apoio dado pelo clube ao longo da sua carreira.

"O Sporting sempre me proporcionou, condições para poder evoluir, sempre me ajudou, sempre me deu as condições todas desde os escalões de formação. É para isso que nós trabalhamos, para chegarmos a este nível com uma grande vontade de querer ganhar. Foi também a preparação que tive na formação para chegar aqui e corresponder às expetativas", concluiu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.