O golfista norte-americano Collin Morikawa venceu hoje o 149.º The Open Championship e fez história no campo do Royal St. George's Golf Club, em Inglaterra, ao vencer na sua estreia o quarto 'major' da temporada.

Depois de ter partido para a última volta à distância mínima do sul-africano e então líder Louis Oosthuizen, campeão em 2010, Morikawa, de 24 anos, completou os últimos 18 buracos com 66 pancadas, quatro abaixo do Par 70 do campo, e superou o principal adversário, que viveu uma última ronda pouco feliz.

Com um agregado de 265 pancadas (67+64+68+66), 15 abaixo do Par, o jovem norte-americano, além de ter beneficiado do resultado de uma acima do Par de Oosthuizen, ainda conseguiu manter o compatriota Jordan Spieth, campeão do torneio britânico em 2017, a dois ‘shots’ de distância (65+67+69+66) no segundo lugar.

Collin Morikawa, que graças ao triunfo vai subir ao terceiro lugar no ‘ranking’ mundial, tornou-se profissional há dois anos e, em 2020, conquistou o PGA Championship. Hoje, passou a ser o primeiro jogador a ganhar dois torneios do Grand Slam na estreia.

“É maravilhoso. Não sou de ligar muito à história, mas quero entrar na história e quero criar memórias para mim mesmo. Conquistar a Claret Jug é uma das melhores memórias que vou guardar ao longo da minha vida”, confessou o campeão do The Open, após relegar Oosthuizen para o terceiro lugar do pódio (64+64+69+71).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.