A polícia de Santa Rosa foi obrigada a deter um adepto, durante o Open Frys 2011- PGA Tour de San Martin, na Califórnia, por este ter atirado um cachorro quente ao norte-americano Tiger Woods.

O golfista norte-americano, antigo número um do mundo, estava a competir quando o homem gritou pelo seu nome para depois lhe atirar o cachorro quente.

«De repente, girei e vi o cachorro quente a vir na minha direção. Creio que ele queria apenas aparecer nas notícias. Ele estava alterado, gritava e parecia que queria ser preso», explicou Tiger Woods, em declarações à imprensa local.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.