A equipa espanhola, depois de ter derrotado Portugal nas meias-finais, garantiu o seu primeiro tricampeonato, juntando este título aos triunfos conquistados em San José, na Califórnia, em 2005, e em Montreux, Suíça, em 2007.

O conjunto comandado por Carlos Feriche, chegou ao intervalo a vencer por 1-0, com um golo de Jordi Bargalló.

Na segunda parte, a Argentina, que perseguia o quinto título, respondeu a 12 minutos do fim por intermédio de Carlos Nicolia, mas em apenas 20 segundos, Marc Gual e Jordi Adroher, colocaram a selecção espanhola no lugar mais alto do 39.º Campeonato do Mundo de hóquei em patins.

Durante o jogo, perante 4.500 espectadores, os argentinos desperdiçaram três livres directos, enquanto Pedro Gil, pelo lado espanhol, não conseguiu converter uma uma grande penalidade.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.