O FC Barcelona oficializou hoje a contratação do hoquista português João Rodrigues (ex-Benfica), que assinou até 2021 e se apresentou com o objetivo de “aprender coisas novas e ganhar títulos”.

“O ‘Barça’ é um grande clube e estou muito contente por estar aqui. A verdade é que é ainda difícil imaginar que cá estou. Quero aproveitar a oportunidade para jogar neste grande clube e ganhar títulos”, disse João Rodrigues ao sítio do clube catalão.

Máximo goleador dos últimos dois campeonatos nacionais, em 2016/17 com 52 golos e em 2017/18 com 50, o capitão da seleção portuguesa disse que estava bem no Benfica, mas que “é difícil resistir a um convite do FC Barcelona”.

“Não foi fácil sair do Benfica. Estava lá muito bem, mas o ‘Barça’ chamou-me e é difícil dizer não a este clube. Quero aprender coisas novas e ganhar títulos”, adiantou João Rodrigues, de 27 anos, que há nove épocas representava a equipa ‘encarnada’.

Com a chegada de João Rodrigues, o técnico Edu Castro ganha um novo perfil ofensivo para a sua equipa, dado que João Rodrigues é um atacante canhoto, que tem um jogo muito interno. Até agora, o único jogador com esse perfil era Pablo Álvarez.

Rotulado de jogador letal nas grandes penalidades e com uma forte presença na área adversária, João Rodrigues é o segundo português a envergar a camisola do FC Barcelona, que teve como pioneiro Carlos Realista, na temporada de 1987/88.

“E muito importante vir para um clube ganhador como o ‘Barça’, que conquistou todos os títulos na última época e que espero que volte a vencer na próxima, mas já comigo”, referiu João Rodrigues.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.