A Seleção Nacional de Hóquei em Patins terminou a sua participação no Torneio  Joan Sabater, em Santiago  do Chile, na segunda posição, depois de na última jornada ter perdido com a equipa anfitriã por 4-3.

Portugal chegou a estar em vantagem no marcador, por duas vezes, na sequência dos remates de Reinaldo Ventura e Caio. A equipa portuguesa criou inúmeras oportunidades para garantir o triunfo – entre as quais cinco remates aos ferros -, mas, nos últimos instantes do encontro, o Chile garantiu a vitória com Ricardo Barreiros a não concretizar uma grande penalidade. Luís Viana foi o autor do outro golo da Seleção.

O conjunto treinado por Rui Neto entrou no jogo com Ricardo Silva, Valter Neves, Ricardo Barreiros, Luís Viana e Reinaldo Ventura. Jogaram ainda: Domingos Pinho, André Azevedo, Diogo Rafael, Caio e Vítor Hugo.

«Portugal podia ter vencido perfeitamente, sobretudo pela exibição realizada na segunda parte. Criámos muitas ocasiões de golo e Ricardo Barreiros teve a oportunidade de marcar no fim. Com um erro do árbitro e num lance fortuito, acabámos por perder. Há aspectos muito positivos, mas existem situações negativas que têm de ser corrigidas. Temos ilações a tirar num torneio que não nos desviou daquilo que foi planificado», afirmou Rui Neto, selecionador nacional, em declarações ao «site» da Federação de Patinagem de Portugal.

A comitiva nacional parte esta segunda-feira para San Juan, Argentina, para disputar o Campeonato do Mundo que se realiza de 24 de Setembro a 1 de Outubro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.