Os primeiros Jogos Africanos de Praia arrancam hoje na ilha do Sal, em Cabo Verde, estando prevista a participação de 800 atletas de 40 países que irão disputar medalhas em 11 modalidades.

A decorrer até 23 de junho, na cidade de Santa Maria, o Sal 2019 é o maior evento desportivo realizado em Cabo Verde e oferece provas de atletismo, basquetebol 3×3, andebol de praia, vólei de praia ténis de praia, futebol de praia, remo no mar, futebol ‘freestyle’, karaté kata, kitesurf e natação em águas abertas.

Cabo Verde, com uma delegação de cerca de 100 pessoas, vai competir nas 11 modalidades destes Jogos Africanos de Praia.

Nestes jogos, o antigo futebolista internacional brasileiro Ronaldinho vai estar presente como embaixador da modalidade de ‘teqball’ e será o convidado especial para o torneio daquele desporto, onde formará dupla com a compatriota Natália Guilter.

Hoje, primeiro dia do Sal 2019, será colocada em circulação uma moeda de 200 escudos alusiva à prova desportiva.

A presidente do Comité Organizador dos Jogos Africanos de Praia, Filomena Fortes, disse à agência Lusa, em maio, que Cabo Verde vai ficar na história como o primeiro país a acolher os Jogos Africanos de Praia e considerou que o país tem condições para algum dia receber os Jogos Mundiais.

Para Filomena Fortes, Cabo Verde deve utilizar o legado que vai ser deixado pelos Jogos Africanos para dar outros saltos, apostar em novas modalidades e também candidatar-se a organizar outros eventos multidesportivos internacionais.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.