A guarda-redes capitã da equipa de futebol de praia Jamila Martins, bronze nos Jogos Europeus Cracóvia2023, será a porta-estandarte da missão portuguesa na cerimónia de encerramento de domingo, anunciou hoje o Comité Olímpico de Portugal (COP).

Martins, de 35 anos, é natural de Lagos e divide o tempo entre o futebol de 11 e o futebol de praia, que levou ao bronze a partir da baliza, sendo decisiva no jogo pelo terceiro lugar ao defender dois penáltis no desempate por grandes penalidades.

A algarvia sucede à karateca Patrícia Esparteiro, que em Minsk2019 tinha conseguido o bronze, e à judoca Telma Monteiro, campeã de -57 kg da edição inaugural dos Jogos Europeus, Baku2015.

"Isto está acima de qualquer coisa. Poder representar o nosso país, termos conseguido ganhar o terceiro lugar, levar a bandeira... é o que qualquer português ambiciona fazer", declarou a jogadora, citada pelo COP.

Na cerimónia de abertura, a honra coube ao canoísta Fernando Pimenta e à mesatenista Fu Yu, e ambos foram ao pódio no evento: Pimenta foi prata em K1 500 metros e Fu Yu, campeã em singulares em Minsk2019, conquistou o bronze por equipas, ao lado de Jieni Shao, Inês Matos e Matilde Pinto.

A cerimónia de encerramento dos III Jogos Europeus está marcada para as 20:30 locais (19:30 em Lisboa), no Estádio Municipal Henryk Reyman, em Cracóvia, Polónia.

Portugal soma 15 pódios em Cracóvia2023, com os três ouros, as sete pratas e os cinco bronzes já conquistados.

A terceira edição dos Jogos Europeus decorre até domingo em Cracóvia e na região polaca de Malopolska, com 30 modalidades no programa e 48 países participantes, incluindo Portugal, que tem uma delegação com mais de duas centenas de atletas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.