O Museu Ferrari irá inaugurar a 3 de janeiro em Maranello, Itália, uma exposição dedicada a Michael Schumacher, enquanto a fundação Keep Fighting lançará uma aplicação para os fãs nesse mesmo dia, que marcará o 50º aniversário do piloto alemão sete vezes campeão do mundo de Fórmula 1.

"Estamos em contacto com diversos fãs, nas redes sociais, e a família Schumacher deseja passar uma imagem forte e orgulhosa de Michael, e não essa de 29 de dezembro...", data do grave acidente de esqui que o piloto sofreu em 2013, explicou à AFP Sabine Kehm, porta-voz da família Schumacher.

Kehm é responsável pela comunicação de Schumacher desde o acidente que deixou o alemão em coma durante vários meses. Nenhum boletim sobre a saúde do ex-piloto foi publicado nesses cinco anos.

Schumacher "foi vítima de graves ferimentos na cabeça" e "nunca mais foi visto em público", lembrou a Ferrari no comunicado em que apresentou a exposição, que terá o nome de "Michael 50" e é organizada em conjunto com a fundação Keep Fighting, criada há dois anos pela família do alemão. A fundação também criou emoticons batizados de "Schumojis".

"A nossa intenção é de ao mesmo tempo comemorar e mostrar a nossa gratidão pelo piloto mais bem sucedido da história da Ferrari", escreveu a escuderia. Schumacher pilotou o famoso carro vermelho na F1 entre 1996 e 2006, conquistando cinco títulos mundiais (2000-2004).

Em paralelo, uma aplicação em inglês e alemão, o "Official Michael Schumacher App", permitirá aos fãs visitarem com imagens a coleção privada dos carros de corrida da carreira de Schumacher, exibidos permanentemente no Motorworld de Colónia, na Alemanha.

"É um museu virtual, muito rico em conteúdo e em tecnologia", explicou a Keep Fighting. Os fãs poderão ver carros "em 3D" e ouvir "o som dos motores". A aplicação também terá uma entrevista inédita de Schumacher de 2013, depois de se ter retirado das pistas.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.