Depois do acidente que o deixou de fora das últimas duas corridas da temporada passada, Roman Grosjean vai ter uma despedida à altura na Fórmula 1.

O adeus de Grosjean à competição vai acontecer a 29 de junho, no circuito Paul Ricard, no Grande Prémio de França. Nesta despedida, o piloto francês vai conduzir o W10, de 2019, com que Hamilton conquistou o hexacampeonato.

Recorde-se que, no final de novembro, o Haas do piloto francês embateu num dos ‘rails’ de proteção do circuito de Sakhir, provocando uma violenta explosão e obrigando à interrupção imediata da corrida, enquanto Grosjean, envolto numa bola de fogo, abandonava o monolugar pelo próprio pé.

Após embater a 220 km/hora nas barreiras de segurança, o piloto conseguiu sair 28 segundos após o impacto e afastou-se do incêndio, auxiliado pela equipa do carro médico, antes de ser transportado de ambulância ao centro de tratamento do circuito e, em seguida, ao hospital por helicóptero.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.