Os pilotos portugueses Miguel Ramos e Henrique Chaves (Lamborghini) terminaram ontem em terceiro lugar na categoria Pro-Am na ronda de abertura do GT World Challenge Europe, que se disputou em Monza (Itália).

Os dois portugueses, que fazem equipa com o suíço Adrian Amstutz, concluíram as 3 Horas de Monza na 17.ª posição da geral, terceiros da categoria Pro-Am, depois de partirem da oitava posição da classe.

Amstuzt realizou o primeiro turno de condução, rodando consistentemente até entregar o Lamborghini número 77 da Barwell Motorsport a Henrique Chaves.

O português, com a pista ainda húmida, realizou um turno produtivo, chegando até aos 10 primeiros da geral e à liderança da classe Pro-Am, apesar de um furo pelo caminho. Com a pista cada vez mais seca, Miguel Ramos, que teve o último turno de condução, conseguiu imprimir um ritmo competitivo, cruzando a linha de meta na terceira posição da classe.

"O dia não começou da melhor forma, dado que na qualificação poderíamos ter feito um pouco melhor. Mas a corrida correu-nos muito bem e a equipa esteve bem estrategicamente. No meu turno tive um furo, havia muitos detritos em pista, mas aproveitei para montar ‘slicks’ e depois foi sempre ao ataque. Recuperei muitos lugares e, no final, com o bom trabalho do Adrian e do Miguel, conseguimos o terceiro lugar", afirmou Henrique Chaves.

O trio composto por Matteo Cairoli, Klaus Bachler e Christian Engelhart, em Porsche 911 GT3-R, venceu a prova à geral, ao passo que Alexander West, Chris Goodwin e Jonny Adam, em Aston Martin Vantage AMR GT3, triunfaram na classe Pro-Am.

A próxima ronda do GT World Challenge Europa será disputada em Magny-Cours nos próximos dias 07 a 09 de maio e contará para a Sprint Cup.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.