O presidente da Federação Internacional de Motociclismo (FIM), o português Jorge Viegas, lamentou hoje a morte de Miranda Calha, antigo governante que ajudou à criação da Federação de Motociclismo de Portugal enquanto secretário de Estado do Desporto.

Jorge Viegas, que hoje preside aos destinos do motociclismo mundial, foi o máximo responsável da então Federação Nacional de Motociclismo, criada em 1990.

"Lamento a morte de Miranda Calha. Deixo os meus sentimos à família. Pela ajuda que nos deu na criação da FNM recebeu mesmo a medalha de mérito da federação", lembrou Jorge Viegas, em declarações à Agência Lusa.

Professor de profissão, licenciado em letras, natural de Portalegre, por três vezes secretário de Estado de governos socialistas e deputado pelo PS desde 1975 até à última legislatura (2015/2019), Júlio Miranda Calha morreu no sábado, aos 72 anos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.