O piloto português Tiago Monteiro lamentou hoje o desaparecimento de Nicha Cabral, o primeiro português a correr em Fórmula 1.

"É uma perda para o país. O Nicha Cabral era uma excelente pessoa, bom conversador, sempre com histórias para contar", lembrou Tiago Monteiro, que correu no Mundial de Fórmula 1 em 2005 e 2006.

Nicha Cabral morreu esta madrugada, aos 86 anos, vítima de doença prolongada. Foi o primeiro português a correr na Fórmula 1, tendo feito a sua estreia no GP de Portugal de 1959.

"Foi um pioneiro e isso ninguém lhe tira. Numa altura em que a Fórmula 1 não era o que é hoje, era à base de potência e coragem e não de tecnologia como agora", sublinhou o piloto portuense, que deixou "uma palavra de conforto para a família e amigos" de Nicha Cabral.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.