O piloto espanhol Hugo Millán, de 14 anos, morreu hoje após ter sido atropelado por um adversário na sequência de uma queda sofrida durante uma corrida da European Talent Cup, no circuito Motorland, em Aragão, Espanha.

“O piloto esteve envolvido num incidente com vários outros pilotos na curva 5 e a sessão foi imediatamente interrompida com bandeira vermelha. Os veículos de intervenção médica chegaram de imediato ao local do acidente, o piloto foi assistido em pista antes de ser transportado ao centro médico do circuito”, explicaram os responsáveis pelo Motorland, em comunicado.

No mesmo documento, a organização da corrida acrescentou que, “pese embora os esforços do pessoal médico do circuito, o centro médico informou que Millán sucumbiu, desafortunadamente, às lesões sofridas”.

Millán, de 14 anos, era natural de Huelva, no sul de Espanha, e provinha de uma família humilde. Era segundo classificado deste campeonato europeu de iniciação ao motociclismo.

A queda aconteceu na curva 5 e, na sequência, o piloto espanhol foi atropelado por um adversário, cuja mota o atingiu nas costas e no pescoço.

Depois de ser declarado o óbito, o corpo foi transportado ao hospital de Saragoça, onde será feita a autópsia.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.