A próxima temporada do Mundial de Fórmula 1 terá um número recorde de 22 corridas, anunciaram hoje os promotores do campeonato, que divulgaram o calendário provisório para 2020.

Das 21 corridas de 2019, o anterior máximo, regista-se a saída da Alemanha e a entrada do Vietname, que se torna no 34.º país diferente a acolher o campeonato, numa altura em que se assinalam 70 anos desde o seu início, em 1950.

Essa prova, a terceira de 2020, está marcada para 05 de abril.

Para o dia 03 de maio está marcada outra estreia, o Grande Prémio da Holanda, no circuito de Zandvoort.

As corridas da Austrália, Grã-Bretanha e Espanha renovaram em 2019 os seus vínculos com a Fórmula 1, tal como o Azerbaijão e o mexicano, que passará a chamar-se GP Cidade do México.

Em dúvida está ainda o GP de Itália, pois as negociações para a renovação de contrato com a Fórmula 1 prosseguem.

O campeonato arranca em 15 de março, na Austrália, terminando em 29 de novembro, em Abu Dhabi.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.