O tenista espanhol Carlos Alcaraz ascendeu hoje ao quarto lugar do ranking mundial, que continua a ser liderado pelo russo Daniil Medvedev e registou subidas dos portugueses Nuno Borges – para novo máximo da carreira – e João Sousa.

Mesmo tendo perdido no domingo na final do torneio de Umag, na Croácia, frente ao italiano Jannik Sinner (10.º da hierarquia da ATP), Alcaraz subiu um lugar e alcançou também a melhor classificação de sempre no circuito masculino, por troca com o grego Stefanos Tsitsipas, que caiu para quinto.

Medvedev manteve-se no comando do ranking, à frente do alemão Alexander Zverev e do espanhol Rafael Nadal, que continuam na segunda a terceira posições, respetivamente, enquanto o sérvio Novak Djokovic, antigo número um mundial, subiu ao sexto posto, ultrapassando o norueguês Casper Ruud.

João Sousa, o único português entre os 100 primeiros tenistas do mundo, subiu três lugares, para o 58.º, e o compatriota Nuno Borges fez ainda melhor, conquistando nove posições e ascendendo à 106.ª, a melhor classificação da carreira, com Gastão Elias a manter-se em 200.º.

No ranking feminino, o ‘top 10’ manteve-se inalterado, com a polaca Iga Swiatek a permanecer no topo da hierarquia, à frente da estónia Anett Kontaveit e da grega Maria Sakkari, que ocupam o segundo e terceiro lugares, respetivamente.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.