Tomas Berdych disse esta quarta-feira que não vai representar a República Checa no encontro com a Austrália, referente à primeira eliminatória do Grupo Mundial da Taça Davis em ténis, marcado para Melbourne, entre 3 e 5 de fevereiro.

O número um checo, atual 10.º do ‘ranking’ mundial, anunciou esta decisão depois de vencer o norte-americano Ryan Harrison, 82.º do circuito, na segunda ronda do Open da Austrália, primeiro ‘Grand Slam’ do ano.

Berdych, que ajudou a República Checa a conquistar a Taça Davis em 2012 e 2013, justificou a decisão por querer dar prioridade aos torneios do circuito profissional.

Com este anúncio, o capitão da seleção checa, Jaroslav Navratil, foi confrontado com mais uma ausência para o embate com a Austrália, pois também não contará com Lukas Rosol e Adam Pavlasek.

Para a eliminatória com a seleção australiana, que decorrerá no Kooyong Lawn Tennis Club, em Melbourne, Navratil poderá chamar para os encontros de singulares Jiri Vesely, 53.º da hierarquia, e o veterano Radek Stepanek, de 38 anos e atualmente no lugar 102 da classificação mundial.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.