O brasileiro Diego Matos foi irradiado do ténis, após ter sido provado que manipulou resultados enquanto profissional da modalidade, tendo ainda de pagar uma multa, anunciou hoje a Tennis Integrity Unit.

Em comunicado, o organismo refere que o atleta brasileiro, que estava suspenso desde dezembro último, “não poderá jogar ou participar em qualquer competição organizada ou reconhecida pelas autoridades do ténis”.

Diego Matos, de 31 anos, foi condenado por influenciar resultados em 10 encontros, em 2018, de torneios da categoria ITF, no Brasil, Sri Lanka, Equador, Espanha e Portugal, estando também obrigado a pagar uma coima no valor de 113.000 mil euros.

Além de ter viciado resultados, Matos, 343.º do ‘ranking’ de pares, não cooperou com a investigação, nomeadamente em facultar o seu telefone ou fornecer dados da sua situação financeira.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.