O jogo entre a belga Yanina Wickmayer, campeã de 2009, e a polaca Urszula Radwanska inaugura hoje a atividade nos quadros principais de singulares da 25.ª edição do Portugal Open.

A partir das 11h00, o court central do complexo do Jamor, em Oeiras, recebe o encontro da primeira ronda que opõe a Wickmayer, campeã de 2009 e número 60 do ranking WTA, à mais nova das irmãs Radwanska, que ocupa a 74.ª posição na hierarquia mundial.

Com os grandes nomes dos quadros feminino e masculino ausentes do primeiro dia de competição oficial, as atenções dos adeptos estarão voltadas para o Centralito, onde vão decorrer os dois jogos do dia a envolverem portugueses.

O par formado pelo veterano Rui Machado e pelo “novato” Frederico Silva terá pela frente, no segundo encontro da ordem de jogos do primeiro “court” secundário do complexo do Jamor, os quartos cabeças de série da variante de pares, o checo Frantisek Cermak e o russo Mikhail Elgin.

Depois de conhecido o vencedor desse encontro, vai entrar em campo, nunca antes das 15:00, a única portuguesa do quadro principal feminino, a “convidada” Maria João Koehler.

A 217.ª tenista mundial não vai ter tarefa fácil frente à “wild-card” Ons Jabeur, a promissora jogadora tunisina que ocupa a 140.ª posição da lista WTA.

O primeiro dia de competição oficial vai coincidir com o último dia da fase de qualificação, de onde vai sair o adversário da primeira ronda de João Sousa, o primeiro português de sempre a figurar como cabeça de série no Portugal Open.

A 25.ª edição do maior torneio de ténis portuugês decorre entre hoje e domingo nos “courts” de terra batida, do complexo do Jamor, em Oeiras.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.