O torneio de ténis do Rio de Janeiro, da categoria ATP 500, foi hoje cancelado pela organização, devido à situação da pandemia de covid-19 no Brasil, depois de já ter sido adiado uma vez este ano.

Dado o "cenário de incerteza devido ao controlo pandémico, o Open do Rio não se realizará em 2021", indicou a organização, num comunicado hoje divulgado.

A prova costuma decorrer em fevereiro, mas foi adiada para não coincidir com o Open da Austrália, primeiro ‘Grand Slam’ da temporada, e agora foi mesmo cancelado, devendo voltar em 2022.

Em fevereiro de 2020, e num mundo pré-pandémico, ainda sem casos no Brasil, o torneio foi ganho pelo chileno Cristian Garín.

Hoje em dia, o Brasil regista mais de 320 mil mortes devido à covid-19 e o segundo maior número de contágios, a seguir aos Estados Unidos, com março a trazer mais de 66 mil mortes, o pior mês de sempre.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.816.908 mortos no mundo, resultantes de mais de 128,8 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.859 pessoas dos 822.314 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.