Em conferência de imprensa, o argentino Del Potro afirmou que a concentração no reinício do jogo, depois da interrupção devido à chuva que caiu em Oeiras, foi o ingrediente para ultrapassar o sueco.

«Era importante estar concentrado para o reinício do jogo, depois da paragem por causa da chuva. Fiz coisas boas, aproveitei as minhas oportunidades e foi uma boa vitória», disse Del Potro, após o triunfo por 6-4 e 7-5», disse, esta sexta-feira.

O argentino medirá forças com Pablo Cuevas nas meias-finais e Del Potro confessou que já treinou com o uruguaio e perdeu sempre.

«O Pablo é uma boa pessoa e um bom amigo. Vais ser difícil, porque ele está a jogar bem. Venceu o Jo-Wilfried Tsonga, o Thomaz Bellucci. Ontem treinei com ele e não venci qualquer jogo», referiu.

Robin Soderling, quinto classificado no ranking ATP, admitiu que o argentino foi superior neste encontro.

«Tive um bom momento antes de começar a chover e não acho que tenha jogado mal depois da interrupção. Ele é que foi melhor. O campo ficou mais lento pela chuva, mas eu gosto de terrenos lentos. Estou a tentar encontrar o meu jogo, continuo a trabalhar, mas as coisas não têm corrido bem», disse Soderling.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.