O tenista sérvio Novak Djokovic, número um mundial, e o australiano John Millman, 80.º do ranking, qualificaram-se hoje para a final do torneio de Tóquio, ao imporem-se ao belga David Goffin e ao norte-americano Reilly Opelka.

Djokovic, que não competia desde o abandono nos oitavos de final do US Open e que está a disputar pela primeira vez a prova japonesa, impôs-se ao 15.º classificado do circuito, vencedor em Tóquio em 2017, por 6-3 e 6-4, após uma hora e 31 minutos.

Millman também precisou de apenas dois ‘sets’ para se impor nas meias-finais a Opelka, 53.º posicionado do ranking mundial, por 6-3 e 7-6 (7-4), em uma hora e 30 minutos de confronto, qualificando-se pela primeira vez para a final de um torneio ATP 500.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.