O suíço Roger Federer, terceiro do ‘ranking’ mundial, e o canadiano Milos Raonic, 14.º da hierarquia, qualificaram-se hoje, pela segunda vez consecutiva, para a final do torneio de Brisbane, na Austrália.

Nas meias-finais, Federer, o mais cotado em prova, venceu o austríaco Dominic Thiem, 20.º da classificação mundial, em dois ‘sets’, pelos parciais de 6-1 e 6-4.

Já Raonic sentiu mais dificuldades para se superiorizar ao australiano Bernard Tomic, 18.º da classificação mundial, acabando por ganhar em dois ‘tie-breaks’, por 7-6 (7-5) e 7-6 (7-5).

Esta será a 11.ª vez que Federer e Raonic se cruzam no circuito, com o suíço a levar clara vantagem nos confrontos diretos, tendo somado nove triunfos, um deles precisamente na final de Brisbane de 2015.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.