O Porsche Tennis Grand Prix terminou com chave de ouro, ou melhor, com uma Julia Goerges de ouro. A tenista alemã de 22 anos não acusou o facto de estar a disputar a sua primeira final da categoria Premier do WTA Tour, a defrontar a número um mundial, Caroline Wozniacki, e diante dos seus compatriotas e venceu, ao fim de pouco mais de hora e meia, com os parciais de 7-6 (7/3), 6-3.

«É uma sensação inacreditável, ganhar uma final com tantas pessoas a assistir e tinha o coração aos saltos no match-point. Tudo correu bem, mas nunca se tem a certeza com Caroline, ela nunca desiste e já virou muitos encontros», disse Goerges, após conquistar o segundo título no WTA Tour (tinha triunfado em Bad Gastein em Julho do ano passado). A alemã foi sempre a mais agressiva e terminou o encontro com 38 winners (contra apenas nove de Wozniacki) e 15 pontos ganhos na rede.

Goerges, que entrou no torneio como 32.ª no ranking mundial, é a primeira alemã a triunfar em Estugarda desde Anke Huber, vencedora em 1991 e 1994. A vitória de hoje, valeu-lhe 75 mil euros e um Porsche 911 Carrera GTS Cabriolet.

Em 25 finais disputadas, Wozniacki somou a sua terceira derrota frente a uma adversária fora do top 30 e continua sem somar qualquer título na terra batida europeia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.