A tenista suíça Martina Hongis, antiga líder do ‘ranking’ mundial de singulares, e a indiana Sania Mirza sagraram-se hoje campeãs de pares femininos do Open da Austrália em ténis, primeiro ‘Grand Slam’ do ano.

Na final, Hingis e Mirza, primeiras cabeças de série, venceram a dupla checa formada por Andrea Hlavackova e Lucie Hradecka, sétimas favoritas, em dois ‘sets’, pelos parciais de 7-6 (7-1) e 6-3, em uma hora a 49 minutos.

As novas campeãs de pares femininos do Open da Austrália, que partilham a liderança no ‘ranking’ mundial da variante, tinham ganhado em 2015 os títulos da mesma especialidade em outros dois ‘Grand Slam’: Roland Garros e Wimbledon.

Esta foi a 36.ª vitória consecutiva de Hingis e Mirza, a terceira melhor série de triunfos de sempre no circuito profissional e a melhor desde 1990, quando as checas Jana Novotna e Helen Sukova venceram 44 encontros seguidos.

A melhor série de sempre de um par feminino no circuito profissional pertence às norte-americanas Martina Navratilova e Pam Shriver, que ganharam 109 encontros consecutivos entre 1983 e 1985.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.