O paquistanês Aisam Ul-Haq Qureshi e Jean Julien Rojer, primeiros cabeças de série, sagraram-se este domingo campeões de pares masculinos do 23.º Estoril Open em ténis, com o holandês a revalidar o título conquistado no ano passado.

Vencedor em 2011 ao lado do norte-americano Eric Butorac, Rojer voltou a festejar o triunfo na final de pares masculinos, desta feita ao lado de Aisam Ul-Haq Qureshi, ao bater o austríaco Julian Knowle e o espanhol David Marrero, por 7-5 e 7-5, em 1:38 horas.

Marrero voltou a ser privado do título de pares do maior torneio de ténis nacional por Rojer, tal como aconteceu na última edição, em que formou par com Marc Lopez, com quem tinha sido campeão em 2010.

Para chegarem à final, os primeiros cabeças-de-série venceram os franceses Richard Gasquet, que hoje disputa a final de singulares com o argentino Juan Martin del Potro, e Edouard Roger Vasselin por 6-3 6-1.

Com esta vitória, Aisam Ul-Haq Qureshi, número 14 do ranking mundial na vertente de pares, soma o sexto título da carreira, o mesmo total acumulado por Roger, 38.º, naquele que é o primeiro triunfo em conjunto dos dois.v

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.