Rafael Nadal afirmou que não se vê a jogar com a idade de Roger Federer. Em entrevista ao jornal AS, o tenista espanhol afirma que ainda lhe faltam alguns anos, mas que será difiicl.

“Cada um tem o seu caminho. Tenho 31 anos e o Federer 37. Não me vejo a fazer o mesmo caminho que ele, mas cada um tem a sua vida, o seu físico e a sua mente. Nunca se sabe, mas se der vou estar preparado”.

Sobre o ranking, Nadal diz que o número 1 é bom e que fica feliz por estar no topo da elite do ténis.

“Nesta altura da minha carreira é bom ter a oportunidade e fico feliz por ter tido resultados que me permitem estar aqui. A minha meta é continuar a lutar por ser um jogador competitivo”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.