O tenista sérvio Novak Djokovic voltou hoje aos triunfos, ao bater o espanhol Pablo Andújar na segunda ronda do torneio ATP250 de Telavive, em Israel, no seu primeiro jogo no circuito desde o triunfo em Wimbledon.

Djokovic, sétimo jogador mundial e primeiro cabeça de série, superou Andújar, 115.º da hierarquia, em dois ‘sets’, pelos parciais de 6-0 e 6-3, em uma hora e 26 minutos, marcando encontro nos ‘quartos’ com o canadiano Vasek Pospisil, 149.º.

O sérvio não disputava um encontro no circuito ATP desde que, em 10 de julho, então como número 3 do ‘ranking’ mundial, venceu o australiano Nick Kyrgios na final do torneio de Wimbledon, para somar o seu 21.º título do ‘Grand slam’.

Depois disso, Djokovic fez parte da equipa da Europa que disputou a Laver Cup, na O2 Arena, em Londres, prova que ficou marcada pelo adeus do suíço Roger Federer, com desaire em pares, ao lado do espanhol Rafael Nadal, e na prova, por 13-8, face ao ‘resto do Mundo’.

O sérvio, de 35 anos, começou por bater o norte-americano Frances Tiafoe, por 6-1 e 6-3, mas, depois, no último dia, caiu perante o canadiano Felix Auger-Aliassime, por 6-3 e 7-6 (7-3), resultado que começou a comprometer as hipóteses europeias.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.