O tenista russo Andrey Rublev, sétimo do ranking mundial, estreou-se hoje com um triunfo na edição de 2022 das ATP Finals, em Turim, em Itália, ao derrotar o compatriota Daniil Medvedev, quinto.

É único tenista no Grupo Vermelho que nunca venceu a prova de final de temporada do circuito ATP, Rublev impôs-se sobre Medvedev, vencedor em 2020, por 6-7 (7-9), 6-3 e 7-6 (9-7), em duas horas e 32 minutos.

Rublev até entrou melhor no encontro e conseguiu um 'break' ao quarto jogo (3-1), mas quando servia para fechar o primeiro 'set' permitiu a Medvedev quebrar-lhe o serviço, com o antigo número um mundial a vencer por 9-7 no 'tie-break'.

No segundo parcial, Rublev quebrou o serviço por duas vezes e levou o encontro para a 'negra', na qual não houve quebras de serviço antes do 'tie-break', no qual Medvedev ainda salvou quatro 'match points' antes de perder por 9-7.

Na sua terceira presença consecutiva na ATP Finals, Rublev ainda tenta a primeira passagem às meias-finais, num Grupo Vermelho no qual estão ainda o sérvio Novak Djokovic e o grego Stefanos Tsitsipas, que jogam ainda hoje.

Este foi o sexto encontro entre os dois russos, com Rublev a somar o segundo triunfo seguido, após ter perdido os primeiros quatro confrontos.

Os dois tenistas jogaram sob bandeira neutra, devido à invasão russa da Ucrânia, com Rublev a escrever numa câmara, após o final do encontro, uma mensagem pela paz: "paz, paz, paz, é que precisamos todos".

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.