Serena Williams expressou a sua admiração por Roger Federer, descrevendo o tenista suíço, vencedor de 20 torneios do Grand Slam, como um "génio" e como "o melhor jogador de sempre".

A tenista norte-americana, que conquistou 23 torneios do Grand Slam no circuito feminino, não tem assim dúvidas sobre quem é, para ela, o GOAT (melhor jogador de todos os tempos), questão que divide nos últimos ano os fãs do mundo do ténis entre Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic.

Federer vai esta semana disputar o segundo torneio desde o seu regresso ao circuito ATP depois de mais de um ano parado devido a duas operações a um joelho. "Há duas palavras que resumem o legado do ténis masculino: Roger Federer. É uma mistura de grandeza, classe e emoção, e realmente mudou a modalidade. É um génio", afirmou Serena Williams após um triunfo sobre a jovem italiana Lisa Pigato em Roma, no Emilia-Romagna Open.

"Ele é a sinopse perfeita de grandeza e classe. É fantástico e revolucionou o jogo. Vemos os novos jogadores a tentarem jogar como ele, ser como ele, movimentar-se como ele, usar as suas técnicas", prosseguiu Serena.

Serena, que não conquista nenhum Grand Slam desde o triunfo no Open da Austrália de 2017, antes de ser mãe, e que desde então procura chegar aos 24 títulos do Grand Slam, de forma a igualar o recorde de Margaret Court, somou sobr Pigato a sua primeira vitória desde a eliminação nas meias-finais da edição de 2021 do 'major' australiano, deixou aidna mais elogios a Federer, de quem disse ser uma "superfã".

"Sinto que ele é mesmo o melhor de sempre. É impossível não gostar dele e é isso que eu sinto. A sua forma de jogar é fantástica. Quem me dera jogar como ele", terminou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.