Num encontro em que só se registaram três break-points, Gilles Simon – actual 23.º mundial, mas que chegou a ocupar sexto lugar no início de 2009 – teve mais sucesso ao aproveitar as duas oportunidades de que dispôs, uma em cada set, para vencer, por 6-3, 6-4, em uma hora e 23 minutos.

Os dois jogadores já se tinham defrontado uma vez, em Janeiro, no torneio de Sydney, em piso rápido, com Simon a impor-se por 6-1, 6-3.

Amanhã, Gil viaja para o Mónaco, para disputar o qualifying do torneio de Monte Carlo, o primeiro Masters 1000 do ATP World Tour em terra batida que se realiza este ano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.