Svetlana Kuznetsova contrariou esta quarta-feira a "tendência de eliminação" das favoritas no Portugal Open e apurou-se para os quartos-de-final.

A tenista russa e antiga número dois do Mundo bateu a cazaque Galina Voskoboeva, proveniente do torneio de qualificação, em dois “sets”, pelos parciais de 6-4 e 6-4.

Kuznetsova dilatou para 3-0 a vantagem nos confrontos diretos com a sua adversária de hoje, uma das “vítimas” da caminhada triunfante da russa no Grand Slam francês de 2009.

«Não estou muito feliz com a forma como estou a jogar. Estou satisfeita por passar a segunda ronda, mas tenho de melhorar nos próximos jogos. Gosto de jogar em terra batida, mas hoje o ‘court’ estava lento», avaliou a russa pouco depois desta vitória, sublinhando ainda a sua expectativa num torneio bem sucedido no Jamor: «Tenho chances de ganhar o torneio, mas nunca podemos saber».

A ronda feminina do terceiro dia começou com as vitórias da estoniana Kaia Kanepi, atual campeã, e da espanhola Carla Suarez Navarro, finalista do ano passado. Kanepi deixou pelo caminho a quinta cabeça de série do quadro feminino, a romena Sorana Cirstea (6-1, 6-2), enquanto Navarro, quarta pré-designada, superiorizou-se à campeã de 2009, a belga Yanina Wickmaier (6-4, 6-3).

À romena juntam-se nesta prematura vaga de eliminações das principais favoritas a francesa Marion Bartoli (primeira), a eslovaca Dominika Cibulkova (segunda), a norte-americana Varvara Lepchenko (sexta) e a alemã Julia Georges (oitava), todas afastadas logo na ronda inaugural.

Quem também deixou hoje o complexo do Jamor foi a número dois chinesa, Shuai Peng, semifinalista na edição de 2010, ao perder com a suíça Romina Oprandi, por 6-1 e 6-3. Será agora Oprandi a adversária de Svetlana Kuznetsova.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.