Os tenistas Nuno Borges e Francisco Cabral perderam, este sábado, o encontro de pares perante Harri Heliovaara e Emil Ruusuvuori, que ditou a vitória da Finlândia na eliminatória com Portugal (3-0) e o apuramento para as Finais da Taça Davis.

Obrigada a vencer para manter em aberto a possibilidade de qualificação, a dupla nacional não conseguiu superar a formação adversária, que sofreu uma alteração de última hora, com o capitão finlandês Jarkko Nieminen a trocar Patrik Niklas-Salminen por Ruusuvuori, e acabou por sair derrotada pelos parciais de 6-4 e 7-6 (8-6).

Depois do desaire nos dois primeiros encontros de singulares, disputados sexta-feira, Portugal precisava de somar um ponto no duelo de pares para se manter na discussão da eliminatória, mas a Finlândia, semifinalista da Taça Davis em 2023, não deu grandes hipóteses e garantiu pela quinta vez a presença nas Davis Cup Finals.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.