O tenista britânico Andy Murray disse segunda-feira que está "muito próximo" de voltar a jogar em singulares e que, num cenário ideal, o regresso podia acontecer dentro de duas semanas no torneio de Cincinnati.

"Jogarei em singulares assim que me sinta preparado. Vou treinar-me em singulares e continuar a jogar em pares, e avaliarei semana após semana. E farei este caminho até que me sinta pronto", referiu.

Andy Murray, de 32 anos, foi operado à anca em janeiro e regressou à competição no torneio de Queen's, no qual venceu a prova de pares ao lado do espanhol Feliciano López, jogando depois pares mistos com a norte-americana Serena Williams em Wimbledon.

"O melhor cenário possível será [voltar a jogar singulares em] Cincinnati. Se não estiver pronto, provavelmente devo esperar até depois do Open dos Estados Unidos. Não gostaria que o meu primeiro encontro de singulares fosse à melhor de cinco 'sets'", disse o escocês.

Esta semana, Andy Murray vai jogar pares ao lado do irmão Jamie no torneio de Washington.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.